Archive for the ‘Feeling’ Category

Idiossincrasia
15/05/2009

FB_304Back, after a long time. Quanta coisa mudou desde o último post, a raiva passou… Falar a verdade nem sei porque tô postando porque não tenho nada pra falar. lolz E não tô nem um pouco afim de ficar falando dos meus dias, onde eu fui e deixei de ir, onde eu andei e etc. Mas que esse fim de semana vai ser lotado isso vai, vou ficar morta de cansaço, espero que dê para dar uma adiantada nos estudos no domingo, né.

Como a vida passa rápido, parece carro no cruzamento, passa e pronto. A gente nasce, vive a infância (que porra, já acabou!?) e a gente nem tem consciência de que a vive e depois vem a adolescência (a fase mais rebelde, mas eu de rebelde não tenho nada, fora algumas coisas né :x) e bom me considero ainda nela até eu completar meus 23/24 anos e então serei realmente uma adulta, para então tudo terminar na velhice e morreu, acabou. Como meu profº diz se formos pensar que podemos morrer amanhã, por que raios trabalhamos e fazemos as coisas!? Não há necessidade desse ceticismo extremo, of course. Temos que viver intensamente, aproveitando cada pequeno momento. Aproveitar que estou com saúde para correr atrás da Melody ou mesmo poder dar uma volta no shopping com a mãe. Aproveitar para estudar e então trabalhar e poder dizer, eu fui útil. Não pretendo ter tudo na vida, aliás eu não tenho e por mais que eu sonhe sei que não vou ter tudo que eu quero. Tá, eu quero me formar, fazer um mestrado/pós-graduação no exterior, abrir meu consultório ou passar em um concurso para psicóloga, ter casa própria e casar.  Vou fazer o possível para realizar tudo isso, mas não sei se conseguirei. Quem garante que eu não acabe fazendo minha pós em BSB mesmo!? Quem garante que eu não acabe trabalhando com uma área nada a ver!? Quem garante que eu não acabe uma encalhada e nunca case!? Quem garante que eu não case e tenha filhos algo que eu não quero ter!? Quem garante que eu não tenho uma porção de filhos pestinhas!? Quem garante que eu não encontre o amor da minha vida e acabe separando dele porque ele me traiu com outra!? Viajei na maionese. AHUEHAIAEIHAUIAEIUEA Mas ok, só para expressar a incerteza da vida e mostrar que mesmo que queiramos tal caminho não sabemos se ele irá ocorrer. Porém temos que traçar metas e seguí-las para se conseguir o que queremos, mesmo que não consigamos tudo, pelo menos quero conseguir o suficiente para realizar um pouco delas. E quem não quer felicidade ao fim da vida!? Eu quero, mas não sei se será possível, mas satisfeita eu pretendo estar MESMO, não quero ser uma depressiva ao fim da vida. Por isso sejamos felizes e mandemos o mal-hum0r para a putaqueopariu porque tenho muita coisa pra viver a ter que perder meu tempo com isso. Mesmo que viver intensamente seja ficar em casa tomando um chocolate quente vendo um filme, se isso me fizer bem, que seja. :)

Falei muita abobrinha por sinal. É o que me veio à cabeça, fazeroquê!? Não tava afim de falar de cotidiano. 8D

Ciao! ;*

Anúncios